top of page

Prévia da inflação tem alta acima das previsões em agosto

IPCA-15 aponta crescimento da inflação e sinal de alerta ao Copom

A primeira quinzena do mês de agosto demonstrou novo crescimento da inflação do país. É o que informou a prévia do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15), divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na última sexta-feira (25).


Após uma queda de 0,7% no mês de julho, o índice agora apontou um crescimento de 0,28% em agosto, o que representa um aumento de 3,38% no ano. Com este resultado o número da taxa de 12 meses ficou em 4,24%, que significa o teto do intervalo das projeções anteriormente estabelecidas, que iam de 3,98% a 4,24%, sendo a mediana em 4,12%. Para o mercado as projeções do crescimento na primeira quinzena estavam entre 0,16% e 0,17%.


Segundo divulgado pelo IBGE, dos nove grupos e serviços avaliados no índice, sete sofreram elevações em seus preços, e entre os fatores principais que motivaram o novo aumento no início do mês está a pressão dos custos da energia elétrica, devido ao fim da incorporação do Bônus de Itaipu presente nas faturas do mês de julho.


Para a divulgação do IPCA cheio no início de setembro, a expectativa é de que o aumento seja ainda maior, tendo em vista o reajuste do preço dos combustíveis realizado pela Petrobrás em meados de agosto. Resta agora saber qual será a posição do Copom na próxima reunião que ocorrerá nos dias 19 e 20 de setembro, se mantém o corte nos juros ou se volta estagnar o índice.

Comments


bottom of page