top of page

Petróleo bruto da Rússia tem salto para seu maior nível de exportação em quatro meses

Média está em 3,5 milhões de barris diários nas últimas quatro semanas

Crédito da imagem: REUTERS/Gleb Garanich


Dados de rastreamento de petroleiros apontam que a exportação russa de petróleo bruto por via marítima tiveram um crescimento constante, chegando a atingir sua máxima em quatro semanas encerradas no dia 22 de outubro. A marca de 3,53 milhões de barris por dia (bpd) ultrapassam os 20 mil bpd da semana anterior que registrou o maior nível desde o mês de junho.


Os 3,5 milhões de bpd registrados nas últimas quatro semanas mostram um crescimento acentuado perante os 3,36 milhões de pbd contabilizados até o dia 15 de outubro, o que significa um aumento de 610 mil bpd nos últimos dois meses.


A OPEP+, grupo de países exploradores de petróleo do qual a Rússia faz parte, laçou um compromisso sobre Moscou quanto à redução da exportação da commodity em 300 mil bpd até o fim de 2023, em relação à linha base dos meses de maio e junho, o que fará com que o número fique em torno de 3,28 milhões de bpd.


Dados de rastreamento de petroleiros apontam que a exportação russa de petróleo bruto por via marítima tiveram um crescimento constante, chegando a atingir sua máxima em quatro semanas encerradas no dia 22 de outubro. A marca de 3,53 milhões de barris por dia (bpd) ultrapassam os 20 mil bpd da semana anterior que registrou o maior nível desde o mês de junho.


Segundo a Bloomberg, que divulgou os dados de rastreamento, uma queda nas exportações dos portos do Mar Negro teria sido o fator motivador para o crescimento gradual das remessas do petróleo bruto nos portos russos de Kozmino, na costa do Pacífico, e Primorsk, no Mar Báltico nas últimas semanas.

Komentáře


bottom of page