top of page

Fed mantém taxa de juros e dólar sobe

Moeda americana fechou em alta de 0,15% mediante índice DXY

Créditos da imagem: Reprodução


Como esperado pelo mercado, o banco central americano, o Federal Reserve (Fed), anunciou às 15h desta quarta-feira (20), a manutenção da taxa de juros na faixa de 5,25% a 5,50% e a resposta imediata do dólar americano foi um crescimento de 0,15%, fazendo com que a moeda fechasse o dia em R$ 4,88 depois de passar a maior parte da sessão em queda, chegando ao mínimo de R$ 4,81.


A reação foi reforçada após declaração do presidente da instituição financeira (Fed), Jerome Powell, de que a decisão de manter os juros estagnados no momento tem em vista os elevados números da inflação, as taxas podem voltar a subir, caso seja necessário.


A reação do mercado internacional também foi em direção a uma alavancagem do preço da moeda americana, com o DXY, que mede a força do dólar perante outros países desenvolvidos, subindo para 0,13%, aos 105,33 pontos.


O crescimento do DXY foi mais um após completar na semana passada uma sequência de crescimento constante, o que representa a mais extensa sequência de ganhos em quase dez anos.


De acordo com Powell os juros devem ser mantidos em um alto patamar ainda por algum tempo, e como consequência, o dólar deverá acompanhar o movimento, mantendo a valorização.

ความคิดเห็น


bottom of page