top of page

EUA retira sanções ao petróleo e ao ouro venezuelanos

Decisão foi oficializada por meio de acordo

Crédito da imagem: Reprodução


O governo norte-americano anunciou na semana passada o fim temporário das sanções direcionadas ao petróleo, ouro e gás venezuelanos. A decisão foi publicada pelo Departamento do Tesouro dos Estados Unidos e é uma medida adotada como fruto de um acordo realizado entre o governo de Nicolás Maduro com a oposição, visando de alguma forma firmar garantias eleitorais, mediante as eleições presidenciais do próximo ano.


Trecho do documento diz: "Os Estados Unidos celebram a assinatura de um acordo na rota eleitoral entre a Plataforma Unitária e os representantes de Maduro. Dessa maneira, o Departamento do Tesouro dos EUA autoriza transações relacionadas ao setor de petróleo, gás e ouro da Venezuela, além de eliminar a proibição do comércio secundário desses recursos."


A primeira licença estabelece por um período de seis meses as livres transações voltadas ao setor de petróleo e gás. A segunda licença, libera caminho para que as operações com a empresa estatal de ouro da Venezuela, a Minerven, ação que segundo informações do próprio Tesouro americano, deverá reduzir a força do mercado negro.


Outras duas licenças foram alteradas, com o objetivo de retirar proibições de negociações no mercado secundário quanto a títulos soberanos do país sul-americano, como também, as dívidas e ações da petroleira estatal do país, a PDVSA.


Ainda assim, mesmo com importantes flexibilizações, as negociações no mercado primário de títulos venezuelanos continuam proibidas.

Bình luận


bottom of page