top of page

Dólar mais valorizado é destaque do Boletim Focus da semana

Moeda norte-americana ganha corpo, após Federal Reserve indicar que poderá manter reajustes nos juros


Dólar mais alto em 2023 - Crédito: Freepik


A mais recente edição do Boletim Focus do Banco Central divulgada nesta segunda-feira (9) manteve a projeção para o PIB nacional, mas revisou para cima as previsões para a cotação do dólar frente ao real.


Confira os dados apurados pelo Rumo Econômico.


Inflação pelo IPCA


Para a inflação, os economistas mantiveram o índice inflacionário em 4,86% para 2023, segundo o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo). Já para 2024, a estimativa foi ligeiramente ampliada de 3,86% para 3,88%. Por sua vez, a expectativa é de que o IPCA encerre 2025 em 3,50%.


Crescimento do PIB


Já em relação ao Produto Interno Bruto, os economistas ouvidos pelo BC mantiveram o patamar de 2,92% para 2023. Já para 2024, o PIB foi mantido em 1,50%, enquanto 2025 deve registrar alta de 1,90%.


Cotação do Dólar


Os recentes resultados da economia norte-americana, incluindo uma melhor expectativa para o mercado de trabalho e previsão de novos aumentos na taxa de juros, influenciam na revisão para cima da cotação do dólar frente ao real.


A expectativa do Boletim Focus agora é de encerrar 2023 com a moeda norte-americana a R$ 5, e não mais R$ 4,95 no câmbio oficial. Para 2024 e 2025, os valores permaneceram, respectivamente, em R$ 5,02 e R$ 5,10 em relação à semana anterior.

.

Taxa Selic


Os representantes do mercado financeiro ouvidos pelo Banco Central mantiveram a estimativa de 11,75% para a taxa básica anual de juros, a Selic. Para 2024, o prognóstico se manteve em 9% ao ano. Já para 2025, a estimativa é de 8,50%.


Por fim, no cenário para a taxa Selic, os agentes financeiros seguem apostando que os juros vão ficar em 11,75% no término de 2023; em 9% no final de 2024; e em 8,50% lá em 2025.


Balança Comercial - Dívida Pública - Investimentos


Os economistas ouvidos pelo Banco Central revisaram ligeiramente o prognóstico para a Balança Comercial brasileira, que mostra se o país exportou mais do que importou. Segundo o Boletim Focus, haverá superávit de US$ 72,90 bilhões em 2093. O cálculo anterior mostrava salto positivo de US$ 72,10 bilhões. Para 2024, a revisão foi para baixo, passando de US$ 60,95 para US$ 60,60.


Por sua vez, o Boletim Focus reduziu a projeção do déficit em conta corrente de US$ 43,30 bilhões para US$ 42,65 bilhões.


Já no quesito investimentos estrangeiros, as projeções para 2023 e 2024 continuam mantidas em US$ 80 bilhões.




コメント


bottom of page