top of page

Com Lula, preços dos combustíveis voltam a disparar em todo o Brasil

Retomada da cobrança de ICMS fez combustíveis voltarem a subir na última semana


Divulgação ANP


O Carnaval chegou ao fim e a realidade volta a bater à porta do brasileiro em relação ao aumento do custo de vida. Segundo a mais recente pesquisa feita pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), os preços dos combustíveis nas bombas voltaram a subir no período que antecedeu os desfiles, entre 4 e 10 de fevereiro. O vilão dos reajustes, de acordo com o órgão, foi a retomada da cobrança de 12,4% de ICMS no produto - medida que havia sido extinta pelo governo Bolsonaro.


Gasolina


Segundo a ANP, o valor do litro da gasolina comercializado diretamente nos postos teve alta de 3,4% em relação à semana anterior, sendo vendido a R$ 5,75 em média. Já o preço máximo apurado pela agência chegou a R$ 7,97.


Etanol


Quem costuma optar pelo etanol também não escapou do reajuste. Segundo a entidade, o valor médio ficou em R$ 3,55 nas bombas - alta de 4,1% em comparação ao pesquisado sete dias antes. O preço mais alto registrado pela ANP foi de R$ 6,60 por litro.


Diesel


Já o litro do diesel - que interfere diretamente no custo do frete cobrado pelos caminhoneiros - passou a valer, em média, R$ 5,91 - alta de 1,2%. O ápice do custo, de acordo com a ANP, foi de R$ 7,95.


Comments


bottom of page