top of page

Brasil acumula déficit de U$ 14 bi nas contas externas no 1º trimestre, aponta BC

Segundo o BC, o resultado de março foi 44% inferior em relação ao mesmo período de 2023



Superávit de março ficou em apenas US$ 5 bi


O Banco Central informou que as contas externas do Brasil tiveram déficit de US$ 4,6 bilhões em março - o pior desempenho para o mês desde 2021, quando o Brasil enfrentava as consequências da pandemia de covid-19. 


Parte desse desempenho, segundo o BC, ocorre em virtude de resultados abaixo da expectativa da balança comercial, que registrou queda de 44,8% em comparação ao mesmo período de 2023, com superávit de US$ 5,1 bilhões, O número obtido é resultado de exportações que renderam US$ 28,4 bilhões contra importações de US$ 23,4 bilhões realizadas no mês passado.


Já no acumulado do primeiro trimestre de 2024, o saldo negativo ficou em US$ 14,4 bilhões - da mesma forma - o maior déficit para o período desde 2021, com alta de 14,1%, em comparação ao mesmo período de 2023. Por sua vez, o saldo das exportações e importações ficou negativo em US$ 32,6 bilhões no intervalo dos últimos 12 meses até março de 2024.

Komentarze


bottom of page