top of page

Argentina adota yuan como moeda para importações chinesas

Governo alega escassez de dólares para adoção da medida

Em comunicado publicado nesta quarta-feira (26), o governo da Argentina divulgou que adotará o yuan ao invés de dólares como moeda oficial para importações chinesas.


O ministro da Economia argentino, Sergio Massa, declarou em um evento após encontro com o embaixador chinês Zou Xiaoli e empresários de diversos setores, que a medida foi motivada pela escassez de dólares presentes no país e visa tentar sair da utilização da moeda norte-americana nas trocas comerciais internacionais.


Ainda no comunicado o governo informou que a previsão é de que até o fim de abril US$ 1 bilhão em importações chinesas sejam pagas em Yuan, e que mensalmente sejam importados US$ 790 milhões pagos também na moeda do país asiático.


A Argentina tem enfrentado nos últimos anos uma série de crises econômicas com origem em políticas econômicas centralizadas no Estado e que tem sido agravada por uma seca histórica, como também por constantes incertezas políticas que devem ser intensificadas neste ano de eleições presidenciais no país.


FONTE/CRÉDITOS: Rumo Econômico com informações da Reuters

Yorumlar


bottom of page